Colaborador não está alinhado com a empresa?

Há alguns anos eu estava desenvolvendo um trabalho de consultoria em uma empresa e num dado momento, o empresário exclamou:

– Não adianta você me falar que preciso demitir este funcionário, porque eu não vou! Ele é muito bom e experiente!

Eu não havia falado nada sobre isso. Não sei porque ele falou sobre este assunto, talvez houvesse algum medo de ter que o demitir. Penso, que tinha uma conexão emocional entre eles muito boa por trabalharem juntos há tantos anos.

Nesta consultoria, eu trabalhava a performance de vendas e de produção. Analisando o rendimento dos colaboradores, percebi que justamente o colaborador que o empresário gostava, estava dando prejuízo, que era pequeno naquele mês, mas a soma total do ano, era catastrófica. Houve muita resistência por parte do empresário para tomar alguma atitude, mas foi resolvido que se o colaborador fizesse o que havia sido combinado, ele receberia um bônus em seu salário. Ou seja, o salário passou a ter uma variável por performance. Antes da conversa, o colaborador achava que sempre batia as metas e que seu trabalho era excelente!  Apenas após a conversa com meu cliente, é que o colaborador compreendeu a realidade de suas ações.

Após o combinado, apesar de fazer o trabalho com qualidade, ele nunca conseguia bater a meta de quantidade necessária de entrega. Assim, seu salário diminuía, gerando pânico no colaborador, pois sua esposa não trabalhava e ele tinha muitos filhos. Reclamou bastante questionando sobre como iria pagar suas contas, ficou desesperado, chegou a falar que procuraria outro emprego.

A empresa naquele momento passava por dificuldades financeiras e teria que rever todos processos, pessoas, etc. então não poderia deixar que um colaborador não fizesse o trabalho que deveria ser feito.

O que aconteceu? O funcionário tentou procurar outro emprego, mas nenhuma empresa conseguiria pagar aquilo que ele tinha como salário fixo. Então, ele se manteve na empresa, assumiu os erros, aumentou sua dedicação ao trabalho, aceitou nosso apoio da consultoria, fizemos Coaching e Mentoring com ele e, assim, passou a ganhar um salário até maior do que ganhava antes e a empresa obteve mais lucro. Após 1 ano de trabalho, corrigindo vários aspectos como este, a empresa pagou suas dívidas e hoje está crescendo de forma sustentável.

Dicas interessantes para qualquer empresário ou gestor: siga as regras, seja profissional, tome as atitudes necessárias, dê suporte para seus os colaboradores se desenvolverem, preste atenção na performance de cada colaborador e mensure seus resultados.

Sou Daniel Moreira, diretor e fundador da consultoria empresarial Grupo Maximuns de São Paulo-SP. Acreditamos que selecionando as pessoas ideais para sua organização e treinando-as de forma correta, o sucesso será certo.

Conheça nossa Metodologia SIM para Recrutamento e Seleção, Treinamentos para sua organização e Coaching. Trabalhando em conjunto com seu departamento de RH, certamente alcançaremos uma alta performance em sua organização.

Um ótimo dia para você!